Homem que invadiu igreja de Londrina e quebrou imagem é solto

Led Zeppelin vai lançar livro para celebrar os 50 anos da banda
04/01/2018
Lucas Lucco lança ‘Paraíso’, música em parceria com Pabllo Vittar
05/01/2018

O homem que invadiu a Catedral Metropolitana de Londrina, no norte do Paraná, e quebrou a imagem do Sagrado Coração de Jesus, na quarta- feira 03/01,  foi solto por volta das 18h30 desta quinta-feira 04/01, após decisão da Justiça.

Ele já tinha sido preso por quebrar outra imagem religiosa de uma igreja de Santa Cecilia do Pavão, localizada a 78 km de Londrina.

O juiz de plantão Marcos Caires Luz, que determinou a liberação do homem, argumentou que o suspeito não representa risco à ordem pública ou econômica e determinou que ele compareça a todos os atos do processo.

O homem, de 34 anos, foi autuado por dano ao patrimônio e injúria contra o sentimento religioso.

A Polícia Civil havia estabelecido fiança de R$ 21 mil para que ele fosse solto, considerando a reincidência.

Segundo a polícia, o valor correspondia aos estragos às duas imagens danificadas pelo homem. No entanto, na decisão, o magistrado não determinou o pagamento de fiança, nem mencionou o valor sugerido pela polícia.

A polícia informou ainda que o homem tem problemas psiquiátricos. Na manhã de quarta, ele fugiu do hospital Santa Casa de Uraí, onde fazia tratamento. O hospital informou a polícia sobre a fuga, mas antes que ele fosse localizado, o suspeito conseguiu pegar carona para Londrina.

A imagem do Sagrado Coração de Jesus, Padroeiro de Londrina, foi doada à igreja por uma devota, em 1948, e ficava em um altar lateral. Ela é de gesso, pesa aproximadamente 150 quilos e tinha dois metros de altura.

Like
Curtir Amei Haha Uau Triste Grr