Prejuízos em Marilândia do Sul por causa da chuva

Alunos do Japão fazem intercâmbio com Colégio Agrícola
9 de novembro de 2017
Rede Mulher de Gastronomia passa por capacitação
9 de novembro de 2017
Prejuízos em Marilândia do Sul por causa da chuva

A Defesa Civil de Marilândia do Sul estimou em R$ 3,5 milhões os prejuízos provocados pelo temporal do último sábado (4) no município. O relatório final dos estragos será encaminhado até esta sexta-feira 10/11 para a Coordenadoria Estadual de Proteção e Defesa Civil do Paraná, em Curitiba.

O temporal assustou os moradores de Marilândia do Sul no último sábado, quando ventos superiores a 80 km/h destelharam moradias e barracões, além de destruir estufas de tomates e de outros hortifrútis.  As localidades de Nova Amoreira, São José, Engenho Velho, 700 Alqueires, Usina Velha, Piamirim e Carqueijo foram as mais atingidas.

Segundo a coordenadora da Defesa Civil do município, Kelly Cristy Zanlorenzi, o temporal derrubou postes de energia elétrica da Copel e também provocou estragos no reservatório de água da Sanepar no Distrito de São José. Conforme a Copel, foram 40 postes danificados. Destes, 28 tiveram que ser substituídos e 12 foram consertados.

Os maiores estragos ocorreram em propriedades rurais. Pelo menos 120 estufas foram destruídas. Em apenas uma propriedade o prejuízo estimado chega a R$ 1,5 milhão, com destruição de 40 estufas de tomate, um barracão e destelhamento de quatro moradias.

Além disso, um posto de saúde foi destelhado e estragos foram registrados em um colégio estadual.

Comments are closed.